Qual é a tuba mais grave?

Olá amigo(a)s leitore(a)s, depois de intensos trabalhos tubísticos, estou postando mais um assunto aqui.
Atendendo ao pedido de muitos, falarei de algo muito simples mas que tem causado dúvidas. Antes de comentar, recomendo que continuem mandando perguntas pois a sua dúvida pode ser a de outras pessoas e com isso contribuir para a interação neste blog.
Qual é a tuba mais grave? A tuba em fá?Não.
As tubas modernas são divididas em graves e Agudas. As tubas em si bemol e dó são as graves e as em mi bem e fá são as agudas. As mais graves podem ser consideradas como tubas contrabaixo enquanto as mais agudas, tuba baixo.
Em questão de uso, as tubas mais graves proporciona maior poder sonoro e volume para tocar em grandes formações. As tubas em mi bemol e Fá são excelentes para música de pequenas formações como música de câmara. As tubas agudas são mais leves e proporciona mais agilidade para musicas virtuosísticas tendo como preferência a tuba em fá.
Qual é a tuba mais grave?a tuba em si bemol! Em seguida a em dó depois a em mi bemol e em fá.
Veja a comparação na figura abaixo.
Clique na imagem para ampliar


Como existe essa variedade de tubas, tenha certeza do tamanho ou afinação do instrumento que você quer tocar pois tocar uma tuba 6/4 em dó em um quinteto é possível mas com uma tuba em mi bemol ou fá fica muito mais prático.
Um abraço musical a todos

5 comentários:

  1. Muito bom o trabalho Ricardo...eu toquei por muitos anos tuba em sib..mais depois q achei uma americana MiB 5/4 ...não troco mais ..abracos

    ResponderExcluir
  2. Olá amigo toco um sousaphone em sib da yamaha Branco estou pensando em mudar para o bombardao o que você acha? A proposito parabens pelo blog e pela iniciativa.

    ResponderExcluir
  3. Grato Robson Inácio. isso depende onde você usa seu instrumento. onde você toca?

    ResponderExcluir
  4. Boa Tarde!
    Companheiro poderia me ajudar? Estou estudando a música e queria tocar uma tuba qual a mais grave outra coisa tuba e bombardão é a mesma coisa?
    Obrigado

    ResponderExcluir